Pages

28 de junho de 2014

Ficando Ruiva #1


Heeeeeeeey pessoinhas!! Sim, eu pintei o cabelo de novo. Sou maluca, enjoo fácil de uma cor e eu queria taaaanto mudar esses dias. E a cor que eu escolhi? O ruivo. Mas não o ruivo vermelho cereja, nãaao. A bicha é ambiciosa, eu quero o ruivo com fundo natural e reflexos alaranjados! Tudo isso sem descolorir. Ai você diz: ficou maluca Kim?! Meus queridos e queridas, maluca eu sempre fui. Vamos dar início a mais uma saga ''cabelística'', dessa vez rumo ao ruivo perfeito!

Quando você procura o ruivo natural no google, o que aparece em opções de tintura é o Louro Acobreado. Tendo isso em mente, lá vou eu para a farmácia e compro a coloração Luminous 7.43 Louro Acobreado Dourado. O que seria um Louro Médio com nuances Laranja (4) e Dourado (3). Lembrando quê: meu cabelo estava louro claro nas pontas, então na minha cabecinha de vento eu conseguiria logo de cara o ruivo. SÓ QUE NÃO! Ele ficou assim.



Olha fazia tempo que eu não me via com o cabelo tão escuro. Até que eu não odiei a cor pessoas, até porque não ficou escuro, achei que ficou super bem em mim. Se eu quisesse escurecer os fios sem pintar de preto escolheria esse tom. Mas o objetivo é o ruivo! Então dois dias depois lá me vou novamente para a farmácia em busca de uma coloração que pudesse corrigir, ou pelo menos, amenizar esse castanho claro. Encontrei a Loreal Vermelho Super Intenso. Ela é um 7764 o que seria um Loiro Médio, Louro Médio com nuances Vermelho (6) e Laranja (4). Dos tons da Loreal que encontrei na farmácia tinha um 6660 e eu já usei diversas colorações 666 e fica MUITO vermelho. É tipo castanho escuro com nuances de vermelho, então não ficaria ruivo natural. Fui com 7764 com medo de ficar vermelho cereja, mas sabendo que com as lavagens iria desbotar. O resultado foi esse:







Na luz do Sol


A raiz ficou mais escura, obvio já que a raiz estava virgem natural preto. As pontas estão no tom que eu quero *---* Agora é pintar mais uma vez, com a mesma coloração ou com uma mais clara e depois ir tonalizando. No final o resultado que eu quero é esse:


Bem amores, como vocês viram essa saga cabelo ruivo ainda vai dar o que falar. Minhas considerações finais são: cuidado com a cor da caixinha, nem sempre é essa cor que vai ficar no seu cabelo. Procure pelos números. As nuances são super importantes! O ruivo natural é difícil de se obter, mas como eu não desisto nunca (e não tenho mais nada pra fazer mesmo), vou me esforçar para que ele fique perfeito. Nos próximos post vou comentando e documentando todos os fatos, hahaha. Beijoss


24 de junho de 2014

TAG – SÓ UMA PALAVRA


Olá pessoas, sim eu sou super desocupada, fico sumida por dias e quando volto, trago uma tag sem o menor valor. Mas é o que tem pra hoje. Essa tag rola nos blogs e vlogs há um tempo, e eu queria tentar fazê-la por ser divertido e ver se dá para responder tudo com uma só palavra, e já vou adiantando que não, hahaha!

1. Onde está seu celular?

Reque (Do computador)

2. Seu parceiro?

Não

3. Seu cabelo?

Loiro

4. Sua mãe?

Doida

5. Seu pai?

Ausente

6. Seu objeto preferido?

Celular

7. Seu sonho da noite passada?

Maluco

8. Sua bebida predileta?

Vinho

9. O carro dos seus sonhos?

Fusca, haha!!

10. O quarto onde você está nesse momento?

Sala...

11. Seu ex?

Fofo

12. Seu medo?

Futuro

13. Oque você deseja ser em 10 anos?

Rica

14. Com quem você passou a noite passada?

Ninguém

15. O que você não é?

Entrona (No sentido de que eu respeito muito o espaço das pessoas. Eu nunca me intrometo, sempre espero a pessoa vir desabafar comigo em vez de ficar perguntando ou tentando saber o que ela tem.)

16. O você fez por ultimo?

Unhas

17. Oque você está usando?

Vestido

18. Livro predileto?

Lolita

19. A ultima coisa que você comeu?

Pão

20. Sua vida?

Satisfatória

21. Seu humor?

Negro, haha!!

22. Seus amigos?

Loucos

23. Em que você está pensando nesse momento?

Cabelo (Tenho que lavar ele e estou aqui :)

24. Oque você esta fazendo nesse momento?

Escrevendo essa tag... (Sério essa pergunta?)

25. Seu verão?

Praia

26. Oque está passando na sua TV?

Desligada

27. Quando você sorriu pela ultima vez?

Ontem

28. Quando você chorou pela ultima vez?

Eu não sei! Mas foi no dia em que eu assisti Malévola :)

29. Escola?

Necessidade

30. O que você esta escutando nesse momento?

Pink

31. Atividade predileta dos finais de semana?

Sair

32. Profissão dos seus sonhos?

A que me fizer feliz. (Eu ainda não sei, sorry)

33. Seu computador?

Importantíssimo

34. Do lado de fora da sua janela?

Na sala não tem janela.

35. Cerveja?

Não.

36. Comida mexicana?

Depende.

37. Inverno?

Amo

38. Religião?

Não.

39. Ferias?

Diversão

40. Em cima da sua cama?

Bagunça.

41. Amor?

Sempre ♥

Então é isso, espero que pelo menos essa tag tenha servido para te distrair. Até o próximo post, que terá conteúdo eu prometo (ou não!). Beijos da tia Kim 0/

12 de junho de 2014

Valentine's Day Makeup (Maquiagem para o Dia dos Namorados)


Olá pessoas! Em todos os vlogs e blogs ou se tem maquiagem da Copa ou maquiagem para o dia dos namorados; e eu queria muito muito muito criar uma make! Então escolhi o tema dia dos namorados, porque estou pouco me lixando para a copa! Dia dos namorados é aquela coisa fofa, você pensa em vermelho e rosa, maaas a tia Kim quis fugir um pouco disso. Eu quis criar alguma coisa diferente e ao mesmo tempo suave e romântico, então me veio a ideia de misturar duas cores, o laranja que já estava com vontade de usar há muito tempo e o pêssego que é uma das minhas cores favoritas. Sooo let's go!


1 - Comece aplicando um corretivo/base ou primer em toda a pálpebra móvel para fixar melhor a cor da
sombra.
2 - No canto interno do olho até o meio da pálpebra móvel aplique a sombra de cor pêssego.
3 - Esfume bem a sombra laranja até o concavo.
4 - Na parte inferior dos olhos, aplique a sombra pêssego e laranja nas mesmas direções que estão na pálpebra.
5 - Aplique o delineador dourado. Pode ser sombra dourada também, para que ela fique bem pigmentada molhe o pincel.
6 - Passe o lápis branco na linha d'água para aumentar o olhar.
7 - Rímel nos cílios e pronto!
Na bochechas eu usei um leve contorno com sombra marrom. Nas maças do rosto usei um blush rosado e nos lábios um gloss na cor tangerina da Avon.



Resultado






Espero que você tenha um ótimo Dia dos Namorados com seu boy magia. Não tem namorado? Desencana mulher! Sai com as amigas solteiras e vá se divertir, quem sabe você não arruma companhia pro próximo ano. Beijos!

9 de junho de 2014

Resenha: Uta no Prince-sama: Maji Love 1000% e Brothers Conflict

Sim, mais um post sobre um estilo de anime que eu disse me recusar a assistir! No post de hoje farei duas resenhas sem me aprofundar muito em todos os personagens senão o post não terá fim. Parece que essa febre de animes baseados em jogos Otome veio para ficar. Eu explico um pouquinho disso aqui no post de outro anime. Enfim, já assisti três e estou indo para o terceiro nesse gênero. É... Eu gosto de me torturar. Vou começar por ''Uta'' porque o assisti primeiro.

Genero: Bishounen / Shoujo
Sinopse: é uma adaptação do jogo de romance para a PSP. Nanami Haruka quer ser uma compositora de musicas, então ela entra em uma escola cheia se garotos bishounen. Por norma, a escola coloca cada compositor com um aspirante a ídolo, mas Haruka fica com 3! Para tornar mais difícil, Haruka não pode namorar nenhum deles!


Então vamos lá tentar descomplicar a sinopse. Nesse anime nós temos a personagem principal que é a Nanami Haruka. Ela é uma menina que quando pequena tinha uma doença que a fazia frágil, então por consequência disso permanecia em casa aos cuidados de sua avó que a ensinou a tocar piano e assim sua paixão por música floresceu. Nanami aparece no primeiro episódio, ela chega atrasada na escola alguns minutos para o exame de admissão, o exame que a permite entrar na escola de música. Por mais que implorasse os guardas não a deixavam entrar até que Otoya Ittoki e Ren Jingūji interferem em sua situação e com uma ajudinha do diretor do colégio ela consegue entrar.

Ao contrário das outras personagens desse gênero de anime, Nanami realmente faz alguma coisa. Ela tem um amor profundo pela música e isso acaba motivando a galera. Por exemplo, quando o Ren desiste da música, ela faz de tudo para convencê-lo a não desistir - até catar todos os pedacinhos da letra de uma canção que ele escreveu e depois jogou fora. Ou seja, coisa de amigo mesmo. Nanami também tem um visual diferente das outras personagens desse estilo, ela continua com uma personalidade fofa, mas seu visual exterior: roupas, cabelo, maquiagem são bem simples. Pela personagem ser muito boazinha, mas ter essa atitude tão generosa que ela realmente faz alguma coisa, esse anime se diferenciou dos outros, pelo menos pra mim. Agora uma rápida passada pelos personagens masculinos, porque eu não sou de ferro. Por ordem dos que eu mais gostei.

Masato Hijirikawa

É o meu favorito porque ele é centrado, só explodiu uma vez no anime. É aquele tipo de personagem que consegue captar tudo ao seu redor. Inteligente e divide o quarto com o Ren, então vocês já devem imaginar a quantidade de Yaoi que passa na cabeça das fãs. Ele é tipo muito fofo.

Cecil Aijima

Ele só apareceu em um episódio, mas nem precisa explicação né gente? Olha esses olhos!!! O cara é magicamente de mais! E esse ''magicamente'' vocês só vão entender assistindo. Uma dica: prestem atenção no gato preto da Nanami.

Natsuki Shinomiya

Eu gosto do Shinomiya apesar desse lado fofo dele irritar algumas vezes. O que ninguém sabe é que ele tem dupla personalidade, a explicação pra isso é ridícula, mas essa versão dele má é tipo: ''me joga na parede e me chama de lagartixa!'' Um tesão.


Ele é responsável pelas cenas mais engraçadas, porque ele atrapalha tudo! Apesar disso eu gosto dele. Porque sim!

Otoya Ittoki 

Muitas fãs são apaixonadas pelo Ittoki por ele ser alegre, positivo e sempre ficar do lado da Nanami, e realmente os dois formariam um casal perfeito, mas isso é chato pra caramba! Um relacionamento sem conflito não é um bom relacionamento, mas isso não tira créditos do personagem.

Ren Jingūji

Ren é o meu favorito no quesito personalidade, de todos ele é o único que tentou algo sexy com a protagonista, mesmo que tenha sido por interesse, mas quem liga? Ele daria um ótimo personagem de Shoujo com toda a estória de vida dele mais esse lado galã, enfim, fiquem com a mente aberta para criar fanfincs!

Syo Kurusu

Syo ou Chou é o baixinho do grupo. Ele tem medo de altura, fica super lindo irritado, sempre caiu nas troladas do Natsuki, ou seja tudo o que faz a gente querer apertá-lo e cuidar dele. Fora que de todos o estilo dele é o mais original, do cabelo até as unhas pintadas de preto. Esse visual rock com o jeito carinhoso do personagem é tipo muito foda.


Tokiya Ichinose

Ele pode ser um dos principais, mas é um dos que eu menos gosto. Primeiro que ele passa 80% do anime tratando mal a Nanami. Tipo ele não bate nela, mas é arrogantezinho, sem motivo. No final vemos o porquê dele ser assim, mas mesmo assim... Depois ele não me convenceu não! Ah, sei lá meu santo não bateu com o dele.


O diferencial desse anime é que, além da personagem principal fazer alguma coisa, nenhum dos meninos fica com ela! Sim! Não rola beijo, nem abraço com segundas intenções, nem celinho! A guria faz tudo pra ser a boazinha e tals e fica na seca! Cara que injustiça mais injustiçada. Okay, que ficamos putas que geralmente nesses animes todos os caras se apaixonem pela guria, mas porra,  agora nenhum deles?? Qual o propósito de se assistir se não rola pegação? Para não dizer que nenhum se apaixona por ela o Cecil monstra um carinho, ele diz que vai voltar por ela e piriri papa, mas beijo que é bom nada! Pra mim esse foi o ponto negativo. Pra mim esse anime merece um 7.

Ps: eu nunca mais vou dar essa nota pra anime desse gênero, reparem.

Agora vamos para um dos animes mais irritantes que eu já assisti. No que falta Uta na pegação, Brothers Conflict tem até de mais!


Sinopse: Hinata Ema é a única filha de um famoso aventureiro, Hinata Rintarou. Um dia, Ema descobre que Rintarou vai se casar com um fabricante de roupas de sucesso chamado Asahina Miwa. Desde que ela não quer perturbá-los, Ema decide se mudar e morar com seus 11 novos irmãos em uma mansão chamada Sunrise Residence. Como eles vivem sob o mesmo teto, romance está começando a crescer entre Ema e os irmãos Asahina.

A sinopse está mais que certa quando diz: ''romance está começando a crescer entre Ema e os irmãos Asahina.'' Sim, todos os irmãos acabam sentindo algo pela Ema, sim, todos, até o menininho. Esse anime me deixou super confusa, como de costume. Lembrando aqui que a protagonista não comete incesto já que nenhum dos personagens da história é irmão de sangue dela. O único problema é que a Ema é lerda de mais! Vem um beija, ela não diz nada, vem outro beija, ela não diz nada. Pelo o que eu entendi o que ela quer é uma família, então era só colocar um basta quando o primeiro irmão começa a se apaixonar por ela. Mas não, ela passa todos os episódios neutra. Nem parece que existe. Celo de personagem mais inútil de todos os tempos.
(Esse de vestido é homem >.<)

Esse anime tem algumas ideias ótimas para se tornar um anime de verdade. Como o conflito entre os irmãos, que no final acaba tudo em pizza. A reação dos pais, no caso do pai  da Ema a da mãe dos meninos, ao descobrir que a filha tem um relacionamento com os irmãos. Enfim, barracos de família que não foram bem explorados.

Os personagens masculinos são diversos, (tem pra tudo que é gosto) e eu ficaria a noite inteira descrevendo cada um deles, mas esse post ficaria enorme, se você quiser saber um pouquinho mais sobre eles tem um link aqui. Postarei só os meus personagens favoritos.


Azusa e Tsubaki. Deus esses gêmeos são tudo de bão. O problema entre eles seria facilmente resolvido se eles aprendessem a compartilhar né? Afinal eles já não dividem tudo? Por que não a mesma garota? Eu amo a personalidade dos dois. Tsubaki é super extrovertido, e quando fica sério o bicho pega. E falar em pegar, este tem uma ótima pegada. Em oposto, Azusa é mais centrado, ele observa e depois age. E eu amo personagens misteriosos, então eles são os opostos que se atraem perfeitos, e ficaria com os dois. #gulosa


Natsume. Apesar de não se parecer com os gêmeos, com exceção dos olhos, ele dividiu o mesmo útero que os mesmos. Sim, eles são trigêmeos, mas o Natsu nasceu em uma placenta separada. Apesar de ter a mesma idade que os gêmeos ele aparente ser mais responsável mais adulto, centrado e de fala mansa.


A principio a expressão séria pode intimidar, mas é só conhecê-lo melhor que você vê seu lado sensível, seus dois gatos que levam os nomes dos gêmeos, seu jeitão de cuidar dos irmãos e se preocupar com eles, e claro seu belo tanquinho o fazem um dos meus irresistíveis. #queropramim


Louis é o mais misterioso dos irmãos. Ele é jovem, lindo e cabedeleiro, ou seja amiga, você ganha em dobro um homem lindo e que vai cuidar das suas madeixas. Ele consegue falar com o Juli,o esquilo intrometido da Ema, isso não foi explicado. E ele é adotado! Pela suas personalidade calma, Louis percebe coisas que as outras pessoas não. Ou seja, um bom ombro para chorar.


Wataru é o mais novo. Ele tem 10 anos, mas parece ter 5. Ele é mimado, mas é um doce, não é uma criança malvada. Com essa roupa parece uma menina, haha, como eu amo crianças ele entra nos meus personagens favoritos.


Personagem odiado: Juli. Esta coisa vive se intrometendo nos beijos da Ema! Ô coisa chata. A única coisa boa dele, é que em um dos sonhos da Ema ele se transforma em um belo homem, mas fora disso é um estorvo. E se ele é macho, por que diabos usa esse lenço enorme?


Personagem mais irresponsável: Um ressalve também para os pais irresponsáveis. Como assim vocês se casam, saem de viagem e ficam esse tempão sem voltar pra casa com filhos adolescentes e uma criança em casa? Ô conselho tutelar!!! E a mãe dos meninos gente! Como pode a mulher ter 11 filhos e continuar com essa cintura finíssima? Enfim, mistérios da meia noite.

Concluindo a melhor coisa de BC são os beijos e a pegação, porque história mesmo não tem nenhuma. Ao contrário de Uta em que a heroína ajuda a resolver os problemas dos personagens, Ema é um inútil corrimão de escada, todo mundo passa a mão. Fiquemos com os Kisses que é a única coisa boa desta bagaça.







Romances Eróticos e a Adaptação de 50 Tons de Cinza


Olá pessoinhas, vamos bater um papo? Pergunta: sobre livros eróticos Kim? Really? Sim! Meus amores! Os romances, ou romances eróticos são o alívio da mulherada. Neles você encontra tudo o que uma mulher quer, ou pelo menos a maioria: homens com corpos perfeitos, gentis, com atitude e prontos para fazer o impossível pela mulher amada. Os eróticos são para as mulheres o que o filme pornô é para os homens. São as nossas fantasias secretas. Eu leio romances eróticos já faz um tempo e eu recomendo. É um alívio para o mundo cheio de homens sapos em que vivemos, mas lembre-se de separar a ficção da realidade okay?


Eu, Kim, tenho alguns pré requisitos para começar a ler um romance erótico ou romance. 1 - Tem que ter uma história, nem que seja idiota e clichê tipo; o carinha é policial e salva a mocinha de um assaltante, por exemplo. 2  - O herói da história pode ser marrento, mas tem que saber o que quer, afinal estamos cansadas de homens meia boca. 3 - E por último, mas não menos importante, a mocinha tem que ter atitude, garra, personalidade, voz altiva e se for engraçada melhor ainda. E é isso que eu não curti em 50 Tons de Cinza. Anastasia é um poia sem personalidade, que de inocente não tem nada. Sim, existem mulheres ingênuas no mundo, mas totalmente burras é foda. Vamos combinar que o comportamento dela não condiz em nada com uma virgem. Se você é uma virgem e quer se aventurar talvez sim, agora virgem e ingênua não. Pra mim o que a atraiu no Sr. Grey foram os seus muitos bilhões na conta isso sim...


Fora muitas outras coisinhas que deixaram a leitura deste livro estressante, como o herói ser super controlador (o que não tem nada a ver com suas opções BDSM), o fato da Anastasia deixar ele a fazer de gato e sapato, (tipo minha opinião: no quarto me chama de cachorra, mas fora dele querido somos iguais), mas enfim, o assunto deste texto é o filme. Até onde eu sei Fifty Shades of Grey é um romance erótico, com cenas de sexo explícito e classificado para maiores de 18. Sendo assim seria seguro adaptar o livro para um filme? Certo de que muitas partes seriam cortadas, as cenas de sexo com certeza, e acredito que a essência do livro, se é que tem alguma, seria perdida.


Um detalhe importante também é como a maneira da pratica de BDSM ("Bandage, Disciplina, Dominação, Submissão, Sadismo e Masoquismo") será retratada. Muitas pessoas tem preconceito com essas práticas e se mostradas de maneira incorreta aumentará as críticas ainda mais. Isso é uma coisa que me deixou fula no livro. Mostra o Grey como ciumento e super possessivo o que não quer dizer que todos os homens adeptos sejam assim, e se forem dê um basta amiga. Uma coisa é gostar de dominação no quarto, outra é querer controlar até onde você faz xixi.

Na minha humilde opinião, não sei porque 50 Tons de Cinza ganhou tanta notoriedade, sendo que já li milhares de romances eróticos muitos melhores. A única coisa boa desse ''sucesso'' todo é que abriu a mente das pessoas para ler mais e amenizar a vergonha que algumas mulheres tinham ao confessar: eu leio sobre sexo.

Se você ainda não leu o livro, calma, não te darei spoiler, mas faço minhas as palavras de Felipe Neto. Até mais pessoinhas (ㅎㅅㅎ)/


 renata massa